Uma Princesa Asteca entre os Incas…
agosto 10, 2012
A Bienal do #AnodoDragao
agosto 23, 2012

Erótica Fantástica v. 1 – O que dizem os contistas da coleção mais gostosa de 2012

Erótica Fantástica v. 1

Não é novidade que a Erótica Fantástica v. 1 está chegando, que já tem um Na Mesa do Editor sendo preparado (o livro está muito bonito, recebemos a prova da gráfica), que está em pré-venda com quase 30% de desconto (é isso aí, tempo limitado!) em nosso site e também na Livraria Cultura e na Livraria da Travessa.

A novidade é que temos a lista dos contistas comentando os próprios contos, e é nesse clima de preliminares que divulgamos as sinopses da coletânea mais gostosa de 2012. Com vocês, Erótica Fantástica v. 1, e quem ler até o final terá um gostinho do ensaio exclusivo do livro:

 

Camila Fernandes

É escritora, preparadora e revisora de textos, enquanto seu alter ego, Mila F., é ilustradora. Nascida e residente em São Paulo – SP, é autora de Reino das Névoas – Contos de Fadas para Adultos (2012). Tem contos publicados em Necrópole – Histórias de Vampiros (2005), Necrópole – Histórias de Fantasmas (2006), Visões de São Paulo – Ensaios Urbanos (2006), Necrópole – Histórias de Bruxaria (2008), Paradigmas – volumes I, II e III (2009), Extraneus II – Quase Inocentes (2011), A Fantástica Literatura Queer – Vermelho (2011) e Paradigmas Definitivos (2012). Blog www.camilafernandes.wordpress.com

A Melhor Trepada da Cidade

“Teu corpo é meu espelho e em ti navego”. Sempre quis saber como era estar do outro lado desse espelho. Ser o reflexo invertido do amante, operando no corpo dele o que ele normalmente opera no meu – e vice-versa. Este conto é sobre isso e algo mais.

 

Erick Santos Cardoso

É desenhista de coração e editor de profissão. Mestre em comunicação, amante da cultura pop em todas as suas vertentes. Tem na Editora Draco o seu projeto para produção e desenvolvimento da literatura de entretenimento nacional. Twitter @ericksama

Botão de Rosa

Em um mundo que se assemelha à Terra no séc. XVIII, Rosa Vermelha é uma cortesã talentosa, seus favores são dispendiosos e sempre muito disputados pela alta sociedade. Nesse conto conheceremos a sua origem e como a sua refinada educação tornou-a obcecada pela discrição e a própria ideia de impacto que um escândalo pode causar.

 

Felipe Castilho

é paulistano, sagitariano e não acredita em horóscopos. Apenas acha que centauros são bacanas, e por isso faz questão de reforçar seu signo. Autor do livro Ouro, Fogo & Megabytes (2012), também publicou em diversas antologias de fantasia, terror e ficção científica. Era virgem de contos eróticos, até então. Twitter @felcastilho

Conto Pseudo-Erótico de Fantasia com Fantasias

Em um motel movimentado há um encontro íntimo entre uma agente alienígena com uma terráquea fantasiada (e alcoolizada). Enquanto isso o planeta Terra nem imagina estar próximo do fim.

 

Sandra Pinto

Nascida em Portugal na cidade de Aveiro, em 1972. Depois do nascimento de seu segundo filho, passou a ter mais tempo para ler. Sempre gostou de vampiros e lobisomens, adorava ler essas histórias.

Portal para o Paraíso do Amor e Prazer

No final de cada livro de romance sobrenatural, começava a imaginar novos enlaces, novas personagens e novos conflitos. Como as histórias fluíam naturalmente, decidi experimentar colocar as ideias no papel, foi assim que surgiu este conto.  Logo que entrei naquele mundo diferente fui arrebatada por dois maravilhosos seres. Eles me possuíam totalmente, como sempre tinha desejado… de corpo e coração.

 

Estevan Lutz

Além de arquitetar mundos paralelos e futurísticos, Estevan Lutz também é projetista elétrico industrial.  Em 2010, lançou o romance cyberpunk (ou, psychopunk) O Voo de Icarus – Até onde nossa mente pode nos levar?. Já participou de várias antologias da literatura fantástica nacional. Adora ler e reler temas ousados e especulativos da ciência que quase ninguém suportaria ler. No momento, está planejando a 3° Guerra Mundial (em livro).

A Cópula dos Devoradores de Mundos

Num futuro distante, a sonda espacial terráquea Christus acompanha um ato de reprodução entre dois seres galáticos cujas proporções superam as dimensões de qualquer corpo celeste isolado conhecido até então.

 

Rubem Cabral

carioca, engenheiro de sistemas, autor de contos de temática fantástica. A surpresa e o inusitado, além do abuso sinestésico, são suas características marcantes ao escrever.

Dança de Shiva

Num planeta onde a espécie dominante tem três sexos, um homem se envolve com uma alienígena que ele pensa enganar. No entanto, nem tudo é o que parece num planeta controlado por fêmeas acostumadas a comandar.

 

Ana Cristina Rodrigues

é escritora, historiadora e mãe, não necessariamente nessa ordem. Vive em Niterói, com o marido, o filho e um número sempre flutuante de animais diversos. Geralmente escreve fantasia histórica, mas também se aventura pela fantasia urbana, ficção científica e terror. É autora da antologia de contos curtos AnaCrônicas e organizou as coletâneas Espelhos Irreais (2009), O melhor do Desafio Operário (2009), Bestiário (2012), além de ter sido editora da Llyr Editorial. Tem contos publicados em várias coletâneas e sites no Brasil e no exterior.

A Ilha dos Amores

O conto trata da busca e do significado da liberdade. Tendo como cenário um Portugal do século XIII fantástico, acompanhamos um navegador em uma jornada pelo Mar Interno cheio de armadilhas.

 

Antonio Luiz M. C. Costa

formou-se em engenharia de produção e filosofia, fez pós-graduação em economia e trabalhou como analista de investimentos e assessor econômico-financeiro antes de reencontrar sua vocação na escrita, no jornalismo e na ficção.  Hoje escreve sobre a realidade na revista CartaCapital e sobre a imaginação em outras partes. É autor da antologia Eclipse ao pôr do sol e outros contos fantásticos (2010) e do romance Crônicas de Atlântida: o Tabuleiro dos Deuses (2011).

Glicínias Suspensas

Vendida por pais endividados a um dos maiores bordéis de Atlântida, Tita descobre que ser prostituta na cidade mais opulenta e lasciva do mundo não é uma vida fácil de jeito nenhum. Mas ela tem que estar à altura do desafio, pois a alternativa é bem pior.

 

Adriana Simon

Paulistana, participou das antologias de ficção científica OutrasCopas, Outros Mundos (1998), Phantastica Brasiliana (2000) e Como era Gostosa a Minha Alienígena (2002). Teve contos publicados, ainda, em revistas e fanzines do Brasil, Portugal, Argentina, Grécia, Alemanha, Estados Unidos e Inglaterra. É formada em Engenharia de Produção e Mecânica e atualmente mora em Miami Beach, Estados Unidos, pertencendo à diretoria de uma companhia do setor aeronáutico. Site adrianasimon.tripod.com

Melhor Acompanhada

O futuro hipertecnológico se desmancha numa crise permeada pela preocupação feminina mais grave e antiga quando a única sobrevivente de um naufrágio se vê grávida a bordo de uma nave estelar inoperante.

 

Lidia Zuin

é jornalista e mestranda em semiótica pela PUC-SP. Autora das monografias Wired Protocol 7: Um Estudo sobre Serial Experiments Lain e a Alucinação Consensual do Ciberespaço (2009) e Kunst ist Krieg: Música Industrial e Discurso Belicista (2011). Publicou contos pela editora Draco nos livros Imaginários v.3Meu Amor é um Anjo e Space Opera II, e no Steampink, pela editora Estronho. Participou da primeira edição da revista Vapor Marginal e organizou o evento Science’n’Fiction (2010).

Santíssima Magdalena

Mag trabalha para uma empresa de peep show em realidade virtual. Ela não tem problemas com o serviço, até que sua colega de trabalho morre em uma das sessões, despertando uma leva de consumidores sádicos.

 

Daniel Dutra

é natural de Pelotas – RS. É formado em Letras (UCPEL) e Mestre em Literatura Comparada (UFRGS). Sua Dissertação de Mestrado deu origem ao livro Literatura de ficção-científica no cinema: A Máquina do Tempo – do livro ao filme (2010), um estudo sobre a obra de H.G. Wells. Na ficção participou da antologia Deus Ex-Machina – Anjos e Demônios na Era do Vapor (2011) com o conto “A máquina dos sonhos” e com o conto “Gary Johnson” na antologia Solarpunk a ser lançado pela editora Draco.

A mulher imperfeita

As ginoides (robôs idênticos a mulheres) transformaram a sexualidade masculina. Estes são chamados de ciberssexuais: homens que não sentem atração por mulheres de carne e osso e preferem a companhia de ginoides. Neste conto acompanhamos a trajetória de Rodrigo, um ciberssexual, e o preconceito que ele sofre devido sua orientação sexual.

 

Filipe Cunha e Costa

Natural de Lisboa, Portugal, nasceu a 14 de Outubro de 1987. Escritor nas horas vagas, foi vencedor, a título de menção honrosa, da 10ª Edição do concurso literário Dar Voz à Poesia (2006) com o poema Os Dias, publicado na IV Colectânea Dar Voz à Poesia, lançada em 2009 pela Câmara Municipal de Ovar. É ainda o autor do romance O Templo dos Três Criadores (2012), o primeiro livro da saga de fantasia Crónicas de Lusomel.

Memórias de Alto-Mar

Uma viagem pelas memórias de um velho e do encontro erótico que o levou à descoberta de um dos mitos mais antigos da humanidade.

 

Cirilo S. Lemos

nasceu em Nova Iguaçu, Baixada Fluminense, em 1982, nove anos antes do antológico Ten, do Pearl Jam. Foi ajudante de marceneiro, de pedreiro, de sorveteiro, de marmorista, de astronauta. Fritou hambúrgueres, vendeu flores, criou peixes briguentos, estudou História. Desde então se dedica a escrever, dar aulas e preparar os filhos para a inevitável rebelião das máquinas. Gosta de sonhos horríveis, realidades previsíveis, fotos de família e ukuleles. Publicou em Imaginários v. 3 (2010), Dieselpunk (2011), Sherlock Holmes: Aventuras Secretas (2012). É autor do romance O Alienado (2012). twitter @CiriloSL.

Robodisatva

Otis Redding da Silva é um entediado funcionário de assistência técnica para mecatrônicos. Após ser convocado para uma visita de rotina pela Masbro, fabricante de brinquedos inteligentes, acaba se envolvendo com uma mulher-dupla, seu filho carente, conspirações de ativistas pró-sexuais e a encarnação de Buda num robô educativo.

 

Valentina Silva Ferreira

Funchal, 1988. É Mestre em Ciências Jurídico-Criminais. Começou na Revista Magazon. Autora de Distúrbio e A Morte é uma Serial Killer (2012). Participa em mais de vinte antologias. Ficou em terceiro lugar no 25º Concurso Internacional de Contos Cidade Araçatuba e foi agraciada com menção honrosa no IX Concurso Literário Castilho e no I Concurso Internacional de Contos Vicente Cardoso. Foi colaboradora da Infektion Magazine e da Comunidade Literária Benfazeja. Escreve mensalmente para a  Revista JA

Sexo de água: uma mutação tentadora

Um aquário foi destruído. Uma criatura estranhamente sensual apareceu, levando Sabrina a mergulhar em águas quentes. Porém, ela não seria a única. A criatura queria mais. Muito mais.

 

Sid Castro
Escritor e quadrinista, natural de Catanduva (SP). Colabora com a lendária revista de terror nacional Calafrio e tem contos publicados nos livros Território V, Contos Imediatos, Portal 2001, Portal Fahrenheit, Dieselpunk, A Batalha dos Deuses, Brinquedos Mortais, SOS – A Maldição do Titanic e Terrir: Zumbis (HQ). Twitter @sidemar
site libernauta.wordpres.com

Fêmea Humana

No meu conto aliens estupradores invadem a nave terrestre Amazônia, e apenas uma “fêmea humana”, Ceci, e um robô, Peri, sobrevivem para enfrentá-los em condições primitivas.

 

Gerson Lodi-Ribeiro

Autor de FC e história alternativa. Autor da noveleta clássica “A Ética da Traição”. Além de quatro coletâneas de contos, publicou os romances Xochiquetzal: uma Princesa Asteca entre os Incas (2009); A Guardiã da Memória (2011) e Aventuras do Vampiro de Palmares (previsto para 2012). Como antologista, coordenou a “triantologia” Vaporpunk (2010),  Dieselpunk (2011) e  Solarpunk (2012), bem como as clássicas Phantastica Brasiliana e Como Era Gostosa a Minha Alienígena!. É o responsável pela coleção Erótica Fantástica da Draco.

Para agradar Amanda

Edu é um felizardo. Como parceiro de uma bela licantropa, é invejado por humanos de todas as orientações sexuais imagináveis. Só há uma prática que não admite fazer com ela e, para superar esse bloqueio, a amante insiste em que procurem uma terapeuta de casais especializada em relacionamentos humanos-metamorfos.  O problema é que a terapeuta possui seus próprios planos…

E no fim temos o ensaio colorido de 10 imagens fotografadas por Ader Gotardo e ilustradas por Erick Sama. Olha só uma palhinha direto da prova da gráfica (foto da página colorida impressa):

Curtiu? Que tal conferir o ensaio completo sem cortes? Erótica Fantástica terá o lançamento oficial no Fantasticon 2012. Aproveite a pré-venda e adquira com desconto de quase 30% (de R$ 54,90 por 39,90 com frete incluso para todo o Brasil). Leia antes de todos sem censuras, sem recortes, sem interrupções.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *