Boy's Love – Sem Preconceitos, Sem Limites – Resultados para a Coletânea
maio 20, 2015
As origens de Shoah
maio 26, 2015

Luiza Salazar fala sobre o seu novo romance “Um beijo de morte”

luiza-salazarLuiza Salazar – @lusalazar – nascida em Belo Horizonte e formada em jornalismo, divide suas horas livres entre escrever, desenhar, assistir filmes e ler o máximo de livros que consegue.

Apaixonada por histórias e atormentada pelo mal de não poder olhar para um papel branco e preenchê-lo com palavras, tem uma fome insaciável de chocolate e de experimentar coisas novas.

Acredita na noção antiquada de que sonhos podem se tornar realidade e admira muito pessoas que realizam o impossível. A série A Ordem, com os romances Um Toque de Morte e Um beijo de Morte, é a sua mais recente obra. Blog: luizasalazar.wordpress.com

Vamos ao papo?

Draco: Um Beijo de Morte é seu quarto romance, mas sua primeira vez escrevendo uma continuação. Como foi a experiência?

Enquanto eu estava escrevendo e revisando o livro, só conseguia pensar que nunca mais queria fazer uma série de novo. É um nível de dificuldade novo pra mim, uma coisa a mais pra se preocupar além das que são comuns a todas as obras. Coisas do tipo: manter um estilo consistente, tomar cuidado para não contrariar o que foi dito no primeiro, se lembrar do que já foi revelado e o que não foi, é realmente muito complicado. Mas agora que está terminado, que o desafio passou, eu fico muito feliz por ter resolvido dividir a história, acho que foi a melhor decisão.

Draco: E o que os leitores podem esperar de diferente nesse novo volume?

Eu acho que o primeiro livro teve mais espaço para ser “descolado”, hahahahaha. Nós fomos introduzidos à Kat quando ela estava cem por cento na sua zona de conforto, sabendo exatamente o que podia fazer. Mas no final, ela já estava perdida e insegura. Nessa nova história, acho que o momento é mais sério, coisas maiores estão em jogo e a Kat precisa passar de insegurança e medo para uma força nova que ela não conhece, uma que realmente explora todo o seu potencial.

katDraco: Você acha que o que a Kat aprende pode ser transferido para a vida real? Que jovens podem aprender com ela?

Todas as histórias, mesmo as mais fantasiosas, são sobre desafios reais e pessoais. No caso da Kat, é aprender a aceitar quem ela é e fazer o melhor que ela puder com o que lhe foi dado e eu acho que isso é uma lição valiosa, uma ideia que todos precisamos manter em mente. A de que as vezes nós não podemos mudar nossas circunstâncias, mas sempre podemos mudar a forma com que recebemos o que acontece.

Draco: Um Beijo de Morte tem uma presença feminina forte, não só na protagonista, mas na sua história e no papel das mulheres nas organizações. De onde saiu essa inspiração?

É óbvio que sendo mulher, muitas vezes é mais fácil escrever sobre mulheres, mas eu sou uma feminista assumida, embora isso hoje em dia seja sinônimo de palavrão em muitos lugares. Eu sou fascinada pelo poder oculto do feminino, acho que o nosso sexo sofreu preconceitos e dificuldades que só serviram para tornar as mulheres mais fortes, como a caça às bruxas na Idade Média, o Prima Nocte, até os casamentos arranjados da sociedade moderna. Mulheres são fortes justamente porque não tem medo de serem frágeis e acho que isso é uma coisa que a Kat aprende nessa história: que ser vulnerável não é o mesmo que ser fraco.

Draco: Agora que a série A Ordem chegou ao fim, quais são seus planos literários?

Eu tenho dois manuscritos razoavelmente encaminhados e completamente diferentes um do outro. Estou trabalhando tempo integral, além de ter começado a ilustrar profissionalmente, então está um pouco lenta a escrita, mas tenho toda a intenção de terminá-los quando achar que eles estão realmente bons. Escrita sempre fez e sempre vai fazer parte da minha vida e espero que os leitores fiquem ligados porque acho que já já vem coisa nova.

Gostou da entrevista? Você pode adquirir o livro nos links abaixo.

E-book:  Kobo | Amazon | Cultura | Travessa | Apple | Saraiva | Folha | Google

0 Comments

  1. Kaká Machadinho disse:

    Super interessante!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *