Noite de autógrafos da Série Tempos de Sangue
setembro 30, 2014
Conheça a Alice e seus olhos de vidro sem sonhos, do livro “Ball Jointed Alice”
outubro 6, 2014

Depois do fim: Escrevendo “Passos Cegos”, Blanxe

destino-do-mundo

Eu não vou repetir. Deus ou não, eu acabo com a sua raça — ele sibila. — Traga a minha família de volta.

 

— É impossível. Eles cumpriram os destinos deles, não podem mais estar entre os mortais.

 

— Então mude o destino! — ele ordena, me sacudindo por um punhado de minha vestimenta.

 

— O destino nada mais é do que a essência de quem sou. Não posso mudá-lo — tento fazer com que entenda.

 

Ele para por segundos, em silêncio. Eu me inquieto, desacostumado com a imprevisibilidade, frustrado por não poder vê-lo, pela falta de qualquer noção de quem é e do que fará.

 

— Isso quer dizer que eu teria de mudar você para alterar o que aconteceu — ele conclui, em um timbre compenetrado.

 

— Esta não é uma teoria aplicável — digo, intrigado com o raciocínio dele.

 

“Passos Cegos” foi uma história que surgiu durante uma pesquisa para escrever sobre personagens mitológicos. Nesta busca, entre vários outros deuses que povoam a mitologia grega, me cativei por Destino. O que mais me fascinou foi a possibilidade de desenvolver um personagem com essa essência de ter nas mãos o poder de escrever, em um livro, cada linha dos grandes até os mais insignificantes acontecimentos.

O cenário caótico foi um elemento que tomou forma enquanto Destino ganhava uma personalidade fastidiosa, refletindo sua resignação pela decadência humana. Para um deus que tem o universo na ponta de uma caneta, tudo o que ele busca entre os escombros da sociedade dos mortais, é o estopim final para terminar de vez com aquele mundo em guerra.

A resignação de Destino, porém, muda com o surgimento de um elemento que está solto das linhas que ligam cada ser humano a ele. E a guerra travada ao redor de Destino se transforma no desafio de descobrir quem é aquela linha solta.

Entre o fim do mundo e desvendar o que pode ser este elemento, Destino terá de fazer sua escolha.

Gostou? Então adquira o e-book da coletânea “Depois do fim”:

Amazon | Kobo | Google | Saraiva | Cultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *